O PORTAL DE NOTÍCIAS DO
GRUPO SUL BRASIL DE COMUNICAÇÃO


Prática de basquete requer cuidado com os joelhos

02/07/2018

Com origem norte-americana, o basquete é uma das modalidades esportivas mais  apreciadas no mundo. Com times de cinco jogadores por equipe, o jogo necessita de atletas com boa forma física e, em especial, excelentes condições dos joelhos, pois ao lado do futebol, é uma das modalidades que registra maior número de lesões.

Segundo o médico ortopedista e traumatologista Joaquim Reichmann, a pressão exercida durante uma partida de basquete requer que os músculos das pernas e coxas funcionem como amortecedores externos, ou seja, devem absorver a maior parte dos impactos e pressão.

As tendinites são mais frequentes, seguidas pelas lesões meniscais e pelas ligamentares. A média de atletas dessa modalidade que sofrem com o problema de lesões no joelho é grande. Por isso, Reichmann recomenda que o treinador avalie, para decidir se deixa ou não o atleta voltar ao jogo após uma lesão. Se forem comprovadas rupturas meniscais ou ligamentares, o atleta não deve voltar ao jogo, pois poderá agravar as lesões e a dor será severa.

Reichmann orienta que o responsável pela equipe deve buscar o auxílio do traumatologista desportivo para detectar eventuais problemas no joelho. Para isso, avalia-se o mecanismo da lesão. Nos entorses, por exemplo, são comuns as lesões meniscais e ligamentares. "São realizados os testes de "gaveta" para verificar se existem "folgas" anormais que podem indicar ruptura ligamentar e palpa-se o joelho para verificar possíveis fraturas. Se for apenas uma contusão, o jogador pode voltar à partida, após medicado".

No basquete, o atleta se machuca com mais frequência porque força mais seus joelhos. Por outro lado, a boa condição muscular facilita o tratamento e a recuperação mais rápida em relação aos não-atletas. Portanto, aquecimento e alongamento prévio e posterior, calçados adequados e quadras em bom estado são importantes para reduzir a ocorrência de lesões no joelho.

O tratamento de um atleta com lesão meniscal varia de uma a duas semanas. Lesão ligamentar exige de três a seis meses, dependendo do ligamento lesado. As tendinites requerem de uma a três semanas de tratamento. Após a recuperação, pode ser iniciado trabalho de condicionamento específico para voltar ao esporte.



Fonte e foto: MB Comunicação.






Anuncie aqui

(49) 99955-3619
Saiba mais

Ciclone Bicicletas

(49) 3322-3366
Saiba mais

Brenno & Matheus e Lucas & Higor Lima
Local: Cher

HORÁRIOS DE VOOS

Confira os horários de voos do Aeroporto Serafim Enoss Bertaso.

PROGRAMAÇÃO DE CINEMA

Confira a programação de cinema do Shopping Pátio Chapecó.

(49) 99955-3619
contato@portaloestenews.com.br

Newsletter

cadastre-se e receba nossas atualizações